INFORME

Mediante os movimentos aos quais devo proceder e acatar, em respeito a vocês, meus Queridos Irmãos (ãs), ainda estou aqui. Entretanto, pode acontecer que as postagens não ocorram de forma como vinham se dando: diariamente.
Desta forma, não estranhem caso haja tal situação.
Que a Ordem Divina, permaneça em nosso caminho.

domingo, 16 de outubro de 2016

Esqueça o ideal e esteja consciente do que você é

Postagem original aqui, em 26.10.2014



Esqueça o ideal e esteja consciente do que você é

Como a maioria das pessoas, vocês têm ideais, não têm?
E o ideal não é real, não é factual;
ele é o que deveria ser, é uma coisa no futuro.

Ora, o que eu digo é isto:
esqueça o ideal e esteja consciente do que você é.

Não vá atrás do que deveria ser, mas compreenda o que é.
A compreensão daquilo que você de fato é, é muito mais importante do que ir atrás do que deveria ser.
Por quê?
Porque, compreendendo o que você é, inicia-se um processo espontâneo de transformação;
ao passo que se tornando o que você deveria ser, não haverá mudança de fato,
mas apenas a continuação da mesma coisa antiga sob uma forma diferente.

Se a mente, vendo que é estúpida, tenta mudar sua estupidez para inteligência, que é o que deveria ser, é tolice, não tem significado nem realidade;
é apenas a busca de uma autoprojeção, um adiamento da compreensão daquilo que é.
Enquanto a mente tenta mudar sua estupidez em outra coisa, ela permanece estúpida.
Mas se a mente diz:
“Eu percebo que sou estúpida e quero compreender o que é a estupidez, então vou investigá-la, observar como ela surge”,
e esse próprio processo de investigação gera uma transformação fundamental.

- J.Krishnamurti, Think on These Things,182,Choiceless Awareness-


http://www.jkrishnamurti.org/pt/krishnamurti-teachings/view-daily-quote/20141024.php?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed%3A+JKOnline_DailyQuotes_PT+%28JKOnline+RSS+PT%29