INFORME

Mediante os movimentos aos quais devo proceder e acatar, em respeito a vocês, meus Queridos Irmãos (ãs), ainda estou aqui. Entretanto, pode acontecer que as postagens não ocorram de forma como vinham se dando: diariamente.
Desta forma, não estranhem caso haja tal situação.
Que a Ordem Divina, permaneça em nosso caminho.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

A VERDADE HUMANA - II

Postagem original, em 23.08.2013


A VERDADE HUMANA - II

A ‘verdade humana’ se caracteriza
por se estabilizar pela repetição, 
de tanto que mostra e brada seus atos.

Uma mentira repetida mil vezes 
 torna-se verdade
-Joseph Goebbels-


Esta crença que ignora os olhos da Criação
e a Sua Verdade,
é a que se vê sendo praticada por todos os cantos
e indivíduos...

Na ilusão da ‘visão e tato’ e negação do SENTIR/intenção,
se segue afirmando e exortando as “verdades”, como:
ex.: “- eu amo e cuido dos animais!”  

Sim... de tanto que "você viu" estes exemplos
e passou também a afirmar, 
você acredita nisto!
Mas você “ama e cuida” daqueles aos quais você gosta,
dos seus “bichinhos de estimação”
(gatos, cães, passarinhos...),
esquecendo-se e até injuriando-os ou enxotando
os “outros” que não lhe são tão simpáticos,
seja pela aparência, espécie, peçonha e etc.,
e que também são “frutos da Criação”.
Sem jamais se perguntar que “amor” é este,
que segrega, que ocorre somente para os quais
se gosta?...

Há muito nas nossas práticas diárias onde podemos
(se ao rever nos propusemos)
encontrar a “verdade humana” 
para dela nos desfazermos/afastarmos.

Não se pode modificar/mudar aquilo
que se nega a ver/enxergar.

A Criação com o seu Amor, Luz, Verdade,
Amparo, Justiça, Misericórdia...
se dá e se propaga à TODOS,
não há alguns específicos, que agradam-nos,
escolhidos.

E nós efetuamos a todo instante,
a escolha de onde nos sintonizamos/agarramos:
se na Verdade da Criação ou na humana.

ArqueiroHur