INFORME

Mediante os movimentos aos quais devo proceder e acatar, em respeito a vocês, meus Queridos Irmãos (ãs), ainda estou aqui. Entretanto, pode acontecer que as postagens não ocorram de forma como vinham se dando: diariamente.
Desta forma, não estranhem caso haja tal situação.
Que a Ordem Divina, permaneça em nosso caminho.

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Crer: cremos ou pensamos que?

Postagem original, em 30.04.2012


Crer: cremos ou pensamos que?

Crer é o ato de confiar.
Evoluir e buscar a Unificação baseia-se nos atos de rever-se e de se entregar a LUZ, ao Universo, ao seu SER e Criação.

Então, crer é confiar na Criação,
É saber que tudo o que for necessário para o meu crescer,
me será apontado;
para que seja reconhecido e entregue a LUZ,
pelo rever-se, pelo Perdão, pela aceitação.

Crer é não colocar a “sombra” na frente da LUZ.
Não supor que ela, sombra, possa prevalecer, por si só, à LUZ.

Desta forma, devemos perceber estes apontamentos
(em geral o que nos contraria, desagrada e as incompreensões)
que nos “impedem”;
e demonstrarmos o nosso propósito de Evoluir
(desejo e querer)
de estarmos e sermos a LUZ,
aplicando-A
(técnicas, afirmações, invocações e etc.),
e entregando-nos à Ela.
Atuando assim, em comunhão com o AMOR da Criação.


... Mas como atuamos na prática:
- direcionamos (pedimos) a LUZ para o nosso crescer ou,
nas nossas questões individuais?
- nas contrariedades, nos revemos ou ficamos “sem ver” os testes,
o aprendizado?
- quando surge “algo novo”, que foge a nossa compreensão ou controle, “achamos” que isto “veio de onde”, da LUZ  ou que “só pode ser algo para me derrubar”?...

Só há comunhão com a LUZ quando eu também estou voltado para Ela, com o mesmo propósito.
Sem seguir ao princípio da “igualdade unilateral”,
onde não penso que estou,
mas me proponho, me determino, trabalho
e me doo para
Estar e SER com e para Ela.
ArqueiroHur