INFORME

Mediante os movimentos aos quais devo proceder e acatar, em respeito a vocês, meus Queridos Irmãos (ãs), ainda estou aqui. Entretanto, pode acontecer que as postagens não ocorram de forma como vinham se dando: diariamente.
Desta forma, não estranhem caso haja tal situação.
Que a Ordem Divina, permaneça em nosso caminho.

domingo, 29 de janeiro de 2017

A artimanha da “sombra”, no “direito de sonhar”

Postagem original, em 07.06.2012


A artimanha da “sombra”, no “direito de sonhar”

Lembre-se de que a “sombra” conhece e bem o seu ego.

Sim! Foi ela que o formatou;
e se aproveita deste nosso desconhecimento,
como da “negação” das nossas fraquezas e carências, 
para assim nos manipular, atrair, 
induzir ou cooptar.

Dentro deste propósito, ela nos ofertou
“o direito de sonhar”,
de esperar que “deus” nos favoreça, que nos salve;
mantendo-nos “na irresponsabilidade”,
em separado de nós mesmos.

Também fazendo com que não reparemos
que “os agrados” recebidos
são propositais e para “nos comprar”;
pois ficamos tão satisfeitos “com o pequeno ganho”,
mesmo sendo ele “frágil como um castelo de areia”,
que nos mantemos “sonhando, pedindo, desejando”...
Sem, entretanto, nos darmos conta
do socorro e auxilio da Criação,
que nos apresenta o caminho do rever-se,
do trabalho, da responsabilidade;
como sendo “a grande e verdadeira graça”!

Entendam:
Mesmo que estejamos
“sonhando com um mundo melhor, de PAZ”,
estamos atuando com a energia do desejo;
e  assim alimentando-a!
Ao mesmo tempo em que não nos trabalhamos,
nem nos responsabilizamos.

A LUZ não atua com o desejo, com o imaginário!
A LUZ é o REAL; 
o calor e o frio que podemos SENTIR!

Desta forma, "não sonhe" nem deseje.
TRABALHE-SE, REALIZE
e SEJA!

ArqueiroHur