INFORME

Mediante os movimentos aos quais devo proceder e acatar, em respeito a vocês, meus Queridos Irmãos (ãs), ainda estou aqui. Entretanto, pode acontecer que as postagens não ocorram de forma como vinham se dando: diariamente.
Desta forma, não estranhem caso haja tal situação.
Que a Ordem Divina, permaneça em nosso caminho.

quarta-feira, 8 de março de 2017

Aprenda a SER IV - Ah! Esse AMOR PRÓPRIO


Postagem original, em 14.12.2011


Aprenda a SER IV - Ah! Esse AMOR PRÓPRIO

No centro do seu peito, onde as costelas se encontram, há um ponto chamado: GLÂNDULA TIMO.

Se você “teclar” com as pontas dos dedos entre as suas costelas, é bem provável que encontre um pontinho dolorido, que no seu cotidiano você nem percebe que ele existe. Este pontinho é a sua GLÂNDULA TIMO.

- Agora, você sabe por que ela se apresenta assim dolorida, adormecida, atrofiada?

No aspecto físico, ela trabalha com o sistema imunológico. Aquele, que procura “reagir” aos invasores... 
Isto  lhe ajudou a raciocinar e achar a resposta para a pergunta?... Não?!!!...

Tá! Então responda a esta:
Nota: este exemplo abaixo, pode e deve ser “trocado” para uma série de contrariedades ou situações, que vivemos e efetuamos no dia a dia.

- Quando você vai a um “baile” ou “boite/boate/danceteria...”, você reclama do barulho, falação, bebida e tudo o mais que fazem parte deste ambiente?

Seria meio estranho “reclamar”, né?!... Uma vez que foi você quem se dirigiu para lá... Por sua própria vontade e desejo ou por ter se deixado “convencer” por alguém, agindo desta forma, pelo seu interesse.

E se você considerava este “local”, como algo que não lhe traria o “conforto”, você deveria não ter ido,certo ?

Mas, como é difícil se respeitar (acatar a sua Voz Interior, Coração), pois, você “tinha de ir” para preencher seu tempo ou “ser sociável”; as conseqüências, sejam elas quais forem, irão surgir... 

Por outro lado, podemos “traduzir” esta sua “permissão” e ida ao evento, seja por qual motivo for, 
como falta de AMOR PRÓPRIO. 
Sim! pois, você acabou contrariando a si mesmo. 
E a nossa GLÂNDULA TIMO é ativada e estimulada exatamente pelo AMOR PRÓPRIO.

Ou seja: A cada vez que nos desrespeitamos que faltamos com a VERDADE, esta GLÂNDULA míngua, atrofia. 
É uma mera conseqüência/efeito da nossa prática diária.

- E o que isto importa, eu nem a “sinto”?... 
Poderão alguns, neste momento, estar “questionando”.

É!... Você não a “sente”. 
Apenas, sofre uma série de pequenas coisinhas, “doencinhas físicas”, que poderiam se evitadas. E isto, na verdade é secundário. O prazer do momento, das companhias, valeu todo o sacrifício...

Entretanto, estamos aqui para falar de energia.

Assim esta GLÂNDULA, que é meio esquecida, tem uma relação energética com a fala do Coração, Voz Interior, VERDADE e o SEU SENTIR.
É por Ela que tudo passa e nos chega.
E a cada vez que estamos praticando algo de diferente ao que nos é sabido/sentido ou apontado, estamos fechando o fluxo de energia que por Ela é recebido e atrofiando-a em todos os níveis.

Para restaurá-la, é necessário mudar certos conceitos e práticas. 
Pois, de nada adianta deter este conhecimento e outros mais; e procurar no dia à dia, manter ainda, uma prática de permissividade, de aceitação.


- Qual a defesa é ou pode ser produzida, quando nós mesmos nos permitimos e aceitamos seja lá o quer for?... 

Para quem ainda não entendeu, repito: 
O UNIVERSO, a LUZ não pode interceder na sua "escolha"! 
Ele sempre estará pronto para atuar, para lhe mostrar e indicar "um outro rumo", mas sem interferir no que você determinou para si e acatará o que determinastes. 
Você é o responsável pelos seus passos!

Assim:    

- Deve-se aprender a dizer NÃO.

- A criar a determinação de romper com o que não lhe cabe neste caminho do SER... 
De não se sentir culpado, por não mais “agradar” aos outros.

E perceber, que não é "falando": EU ME AMO, 
quando temos atitudes contrárias a isto, 
promovidas por "desgostos" ou desejos, que estarei me respeitando. 

É a prática em si do que se "fala" que funciona, tem valia, 
é eficaz e mostra a VERDADE que VIVEMOS e SOMOS.

O seu 1º dever, é com você mesmo! 
Com o seu SENTIR, com o seu caminho, seu SER e VERDADE.

Se eu não me AMO e RESPEITO na prática, com atitudes, 
qual respeito e amor dou e passo a  alguém?

ArqueiroHur