INFORME

Mediante os movimentos aos quais devo proceder e acatar, em respeito a vocês, meus Queridos Irmãos (ãs), ainda estou aqui. Entretanto, pode acontecer que as postagens não ocorram de forma como vinham se dando: diariamente.
Desta forma, não estranhem caso haja tal situação.
Que a Ordem Divina, permaneça em nosso caminho.

sábado, 12 de outubro de 2019

Pequenos Pensamentos - LVII


Postagem original, em 17.09.2011


                    Não é o que se faz
                    o "X" da questão.
                    É "o como, o porque" se fez/faz.


                    A razão do descaminho
                    é a ausência da consciência 
                    nas atitudes tomadas.
                                                                      ArqueiroHur





Os desafios, as pressões...

Postagem original, em 04.04.2012


Os desafios, as pressões...

Os desafios, para que servem afinal de contas?

Ora, você já “estudou” (cumpriu algumas etapas na educação formal), não é?! E foi avaliado, testado... 

Então, os desafios nada mais são do que uma das formas de avaliação que o Universo nos oferta, para poder saber até onde iremos, o quanto estamos nos revendo, crescendo, Evoluindo.

E ao mesmo tempo, é um preparatório, um estágio para o que nos aguarda aqui.

Sim!... A “pressão” será cada vez maior e devemos estar cientes delas, como nos tem sido “alertado” por aqueles que seguem a VERDADE, para podermos realizar o que aqui o nosso SER se comprometeu.

Por vezes me dizem: 
“Eu não sei trabalhar sobre pressão, não consigo.”

Vamos nos perguntar “quem não consegue”: 
SEU SER ou o seu ego, que gosta de fazer tudo dentro do seu esquema, do seu formato?...

Vocês têm a ciência do que está por vir. 
A VERDADE NÃO FOI SONEGADA!

A LUZ não visa causar nenhum temor, mas pretende que estejamos preparados para atuarmos com e por Ela.

Como Ela poderá contar conosco, se não procuramos superar os obstáculos?... 
Se, evitamos ou ficamos descontentes com a “pressão”, com qualquer coisa que se diferencie do nosso formato (do que achamos, pensamos, gostamos e etc.)?...

Quando se está consciente e realizando pela LUZ, não há pressão que nos desequilibre. 
A ação da LUZ será sempre condizente ao nosso estado e equilíbrio.



A Criação não nos oferta uma “cruz” maior do que podemos carregar. Se Ela nos aponta,indica que, tal como uma lagarta podemos "voar", é porque o podemos.

Esta pressão ou obstáculos visam ou o nosso crescimento ou o nosso desequilíbrio.

Quem decide e “escolhe” este caminho e desenrolar, é você!... Você é quem se posiciona perante “tudo”. Tanto com o desequilíbrio, como com o crescimento.

Assim, se minha “escolha” for crescer, devo trazer para a LUZ aquilo que me incomoda, que não sei lidar e ao invés de me desequilibrar, vendo como um aprendizado, superar e passar deste estágio.

Na Evolução, não há matérias que se deixem para trás, esquecidas. O “passar de ano”, mudança de consciência, só se dá com a superação dos obstáculos, com o aprendizado. Não com a “esquiva”. Fugir deles, é somente adiar (repetir de ano).
Pois aqui ou lá; agora ou depois; gostando ou não... para Evoluir, para estar e SER LUZ, o que deve me incomodar, com o que não devo saber lidar?... Ao que devo temer?

Que a Sabedoria Divina banhe sua alma e personalidade.
ArqueiroHur



O culto ao externo – o descaminho



Postagem original, em 27.12.2012



O culto ao externo – o descaminho

Onde encontramos ou se se dá o descaminho
em nossos passos?

Ora!... ele não está fora, em alguma coisa ou alguém.


Atribui-se ao externo/sombra,
a causa/responsabilidade sobre o nosso descaminho
e quedas;
eximindo-se e isentando-se de todo e qualquer passo
do caminhar.
Mas o que a “sombra” faz,
é somente criar as oportunidades e condições
para que aflore o que já existe em cada um
(de apegos, interesses, carências...)
e que teimamos em esconder, negar
ou ignorar.

Por esta mesma atribuição que indica o “culto ao externo”,
dando-lhe todo o poder e ingerência,
ignoramo-nos!... 
Tanto as nossas marcas/traumas,
como também, a nossa origem/LUZ.


Então onde está o descaminho,
senão em nós mesmos,
na nossa negação do que somos?...  

Se você busca a você mesmo, a ser o Seu SER,
encerre este ciclo do “culto ao externo”,
de não se reconhecer formatado,
para poder se REVER e limpar...

Enquanto a sombra “usa” para seu proveito o que
se encontra em cada um
(medos, mágoas, desejos, conceitos...),
o UNIVERSO Evolutivo promove situações semelhantes
para que possamos perceber estes apegos, marcas,
manhas e ignorância,
e que venhamos (ou possamos) a efetuar o reconhecimento
e a sua transmutação/revisão/limpeza;
como também com o intuito de nos testar
para a continuidade do caminhar Evolutivo
e de nos ofertar a escolha dentro da consciência/entendimento 
já adquirida.

Desta feita, onde “vemos muito” a presença da sombra
com suas artimanhas (que são reais e manipuladoras);
por vezes, são oportunidades oriundas
do UNIVERSO Evolutivo para o nosso crescimento,
reconhecimento e REVER.


Quando nos reconhecemos, temos a possibilidade
de transmutar/limpar traumas e marcas;
e sem estas, 
de assumirmos nossa origem/fonte.

Lembre-se de que:
A sombra não penetra na LUZ,
apenas a oculta aonde Ela, LUZ, 
não é reconhecida e assumida.

E mesmo a sombra cumpre o seu papel
diante do TODO.
Permitindo e fortalecendo o “direito de escolha”,
o livre-arbítrio;
e demostrando a nossa determinação,
entendimento e firmeza no caminhar.

ArqueiroHur




Quem precisa...?

Postagem original, em 14.11.2013



Quem precisa...?

Quem precisa da “autoafirmação”,
do “reconhecimento externo ou de alguém”, da bajulação,
do elogio?...


Antes de você soltar a ‘resposta pronta’, imediata,
instantânea com aquele tom de
“verdade absoluta do que já lhe é sabido”,
vamos parar e observar uns aspectos:

- O SER, aquele que é consciente da sua condição
e colocação no Universo Evolutivo,
que desempenha suas tarefas sem “medi-las”
ou compara-las com as de ninguém,
por ter o entendimento de que elas, tarefas,
são relativas e devidas ao nível de consciência
em que se encontra individualmente;
necessita ou deve ser adulado por efetuar
o que lhe cabe?...

- Quem gosta de ‘ser inflado’,
que possui o ‘sentimento de grandeza’ exortado
e o de ‘pequenez’ enrustido, disfarçado;
trazendo a tiracolo o despeito, a inveja.
Seria o SER?...



Dentro do que você pode observar nas perguntas/questões acima,
refaço a indagação inicial,
pois as respostas e conduções serão sempre livres
e de acordo com as suas considerações e definições:

Quem precisa da “autoafirmação”,
do “reconhecimento externo ou de alguém”, da bajulação,
do elogio?...


A vibração da LUZ está disponível, e é ofertada à TODOS.
Sendo somente o seu acesso, uma condição da
consciência que se assume e pratica.
  
ArqueiroHur