INFORME

Mediante os movimentos aos quais devo proceder e acatar, em respeito a vocês, meus Queridos Irmãos (ãs), ainda estou aqui. Entretanto, pode acontecer que as postagens não ocorram de forma como vinham se dando: diariamente.
Desta forma, não estranhem caso haja tal situação.
Que a Ordem Divina, permaneça em nosso caminho.

domingo, 19 de março de 2017

Pequenos Pensamentos - CLXV


Postagem original, em 23.05.2012


           Não há mudança interior real
           sem sua aplicação,
           com atitudes no dia a dia,
           no seu cotidiano.

           Entretanto,
           a mudança pura e simples de hábitos
           ou costumes,
           não significa por si só
           consciência.

           Deixar, como exemplo,
           de efetuar "o sinal da cruz"
           e "passar a falar: namastê",
           sem que o Seu SER esteja ali, 
           na atuação,
           sem a percepção do TODO;
           é trocar o seis por meia dúzia.
           E fazer do sagrado,
           algo vulgar e vazio.

                                                         ArqueiroHur



A LUZ, a UNIFICAÇÃO e o “jogo de palavras” - Série: Momento Atual e Único (minha visão)

Postagem original, em 23.10.2011



A LUZ, a UNIFICAÇÃO e o “jogo de palavras” - Série: Momento Atual e Único (minha visão)

Você pensa que a LUZ e a UNIFICAÇÃO são a mesma coisa?

Embora estejam interligadas em um sentido, em outro NÃO!

A UNIFICAÇÃO não existe sem a LUZ, mas a LUZ existe e continuará existindo sem a UNIFICAÇÃO.

A LUZ é eterna! E tem diversos níveis e estágios.

A UNIFICAÇÃO é uma oportunidade única deste momento, aqui neste plano...
É claro que ela sempre existiu e se deu, porém, durante TODA A HISTÓRIA DA NOSSA CIVILIZAÇÃO, quantos exemplos de seres que alcançaram, em vida, este patamar da UNIFICAÇÃO nós possuímos?
– Muito poucos, dentro do contingente da humanidade... Somente aqueles que durante anos e anos a fio se dedicaram aos estudos, entre outras coisas, puderam alcançar; além do fato de terem isto como compromisso e assim havendo todo o preparo e encaminhamento do UNIVERSO, para tal. Exemplo maior: JESUS DE NAZARÉ.

A particularidade e o que faz deste momento, tão especial, é isto: o fato da UNIFICAÇÃO estar sendo ofertada a TODOS os que se propõem e se entregam a Ela.

Agora vejam:
Estar na LUZ pode significar, apenas, uma mudança de sintonia e vibração, onde se adquire uma certa consciência, saindo desta forma, do estado de total ignorância que permeia a humanidade.
Digamos: sobe-se 2 degraus.

SER LUZ é estar UNIFICADO, com plena consciência. É ter galgado TODOS os degraus da escada que nos foi apresentada.

Assim, não alimente a ilusão, muito difundida pelo belo jogo de palavras, de que: pelo fato de ter tomado alguma consciência, você está UNIFICADO.
Não! Isto, mesmo não sendo como em outras eras, requer TRABALHO  e entrega.

Ascender?!... Só pelo fato de você estar “buscando”, saindo assim do estado de inércia, ela já está ocorrendo... Mas aonde você chegou ou foi?... O fato de subir os 2 degraus, já é uma ascensão. Ou você não acha?

Não é pelo fato de uma árvore frutífera ter “crescido”, que se pode garantir a qualidade de seus frutos.

Esta condição (de um bom fruto) é e se dá em decorrência de uma série de fatores: solo, adubação, controle de pragas e até mesmo climáticas...

A árvore ter florido, só significa isto: que ela “cresceu” e chegou a sua idade adulta (mudou de estágio/degrau). Nada mais!

Desta forma, procurem perceber o que está “oculto” em certas palavras que viraram muito comuns hoje em dia.
São poucos os que estão atentando e se permitindo“sentir” isto.
ArqueiroHur  



Crenças, como ideais, são fugas do fato

Postagem original, em 14.12.2014




Crenças, como ideais, são fugas do fato

A crença é tão desnecessária quanto os ideais.
Ambos dissipam a energia que é necessária para acompanhar o desdobramento do fato, o “que é”.

Crenças, como ideais, são fugas do fato 
e na fuga não há fim para o sofrimento.

O fim do sofrimento é a compreensão do fato de momento a momento.

Não existe sistema ou método que vá dar compreensão, 
mas apenas uma conscientização sem escolha do fato.

Meditação de acordo com um sistema é evitar o fato do que você é;
é muito mais importante compreender a si mesmo, 
a constante mudança dos fatos sobre você mesmo,
do que meditar a fim de encontrar deus,
ter visões, sensações e outras formas de entretenimento.

- Krishnamurti, Krishnamurti Notebook,41,Meditations

http://www.jkrishnamurti.org/pt/krishnamurti-teachings/view-daily-quote/20141210.php?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed%3A+JKOnline_DailyQuotes_PT+%28JKOnline+RSS+PT%29



Não espere... ou a Intenção

Postagem original, em 20.06.2012


Não espere... ou a Intenção

Não espere o “futuro” acontecer
para algo mudar em você;
mas “mude”,
para o “futuro” acontecer em você.


Não espere aquilo que dá,
nem aquilo que não sabes ter;
mas saibas ter o que é seu,
para saber dar sem esperar.


Não espere o dia alvorecer
e ver a LUZ;
mas faça a noite se dissipar em você,
para em você, a LUZ do dia habitar.


Não espere nada por fazer;
mas não espere para fazer,
para não fazer pelo esperar.


Não espere ser um “outro alguém”;
mas se espelhe no que quer ser,
para não ser o que o “outro alguém”
espera de você.


Não espere obter “poder”
para trabalhar e “ser”;
mas trabalhe-se,
para obter e SER
com o PODER DO SEU SER.


Não espere por soluções externas
nas “suas questões”;
mas foque-se em si,
para “ver” as questões como externas
e solúveis.


Não espere ou atribua à responsabilidade
e cuidado sobre si para outrem;
mas responsabilize-se,
para esperar poder atribuir-se
o cuidado sobre outrem.


Não espere recompensa por atuar;
mas atue sem nada vislumbrar,
para vislumbrar  a recompensa
do simples fato de poder atuar.


Não espere o AMOR de alguém;
mas faça-o florescer em você,
para alguém SENTIR o AMOR
de VOCÊ brotar.
 ArqueiroHur